Futebola24

Seja Bem-Vindo à Comunidade F24.
Se ainda não é membro, registe-se agora para aceder a conteúdos restritos e analisar as últimas do futebol e desporto.
Futebola24

O portal F24 é uma comunidade portuguesa que lhe disponibiliza notícias para análise com destaque para o futebol desde análises aos jogos a mercado de transferências, sendo que outras modalidades estão disponíveis também.

Conectar-se

Esqueci minha senha

Votação

Quem será o campeão da Liga NOS?
82% 82% [ 9 ]
18% 18% [ 2 ]
0% 0% [ 0 ]
0% 0% [ 0 ]

Total dos votos : 11

Competições

Copa dos Libertadores
UEFA Champions League
UEFA Europa League
Brasileirão

Equipas

PSG Paris Saint-Germain
Manchester City Manchester City
Arsenal Arsenal
Chelsea Chelsea
LiverpoolLiverpool
Manchester Utd Manchester United
Bayern de Munique Bayern Munique
Juventus Juventus
Borussia Dortmund Dortmund
Inter de Milão Inter
Ver Todas as Equipas

Jogadores

Quem está conectado

1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum


[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 142 em Qui Jul 16, 2015 8:19 pm

Estatísticas

Os nossos membros postaram um total de 238 mensagens em 222 assuntos

Temos 41 usuários registrados

O último usuário registrado atende pelo nome de flocunha

Os membros mais ativos da semana

Os membros mais ativos do mês

Os que mais criam tópicos

Setembro 2017

SegTerQuaQuiSexSabDom
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 

Calendário Calendário


Análise ao Tour de France 2015

Compartilhe

Nammb
Administrador

Mensagens : 5
Pontos : 15
Data de inscrição : 06/05/2015

Análise ao Tour de France 2015

Mensagem por Nammb em Sab Jul 04, 2015 11:46 am

Este ano o Tour será um dos mais concorridos na Geral, pois reunirá o quarteto fantástico (Contador;Quintana;Nibali;Froome),para além destes quatros teremos que observar outros ciclistas que terão um papel decisivo no espetáculo que este ano o Tour apresentará.

Este Tour terá 42 km de contrarrelógios e sete etapas de alta montanha. A 102ª edição terá ainda nove etapas planas e três de média montanha. A largada será em Utrecht, pela 6ª vez na história , no dia 4 de julho, e a chegada em Paris, na tradicional Champs-Élysées, no dia 26 de julho.

A edição 2015 também terá o retorno das bonificações de tempo para os três primeiros colocados (10s, 6s e 4s). No entanto, elas só serão distribuídas entre as etapas 2 e 8. Também foi alterada a pontuação nas etapas planas. Agora, o vencedor leva 50 pontos e não mais 45.

Um contrarrelógio individual de 14 km nas ruas de Utrecht abrirá a prova. Este será o único CRI da edição, o que deve desfavorecer especialistas como Chris Froome da Sky.

Entre outros candidatos á conquista final da camisola Amarela neste Tour encontramos, Nairo Quintana que no Tour já fez grandes feitos como um 2º lugar,uma camisola branca e a camisola da montanha; Alberto Contador que após a conquista do Giro vai tentar o Tour, e ainda Vincenzo Nibali o mais recente vencedor do Tour.No entanto há outros importantes ciclistas que podem vir a assumir o importante papel de Outsiders, entre eles Rui Costa, Thibaut Pinot, Romain Bardet,Tejay Van Garderen, talvez Adam Yates caso se encontre em boa forma, ou até mesmo Alejandro Valverde que está destacado para este Tour não para ganha-lo mas sim para apoiar o seu colega de equipa da Movistar Nairo Quintana.

Quanto à participação portuguesa, vamos poder observar: José Mendes, que pelo segundo ano consecutivo corre o Tour, este com um papel de maior destaque dentro da equipa germânica Bora-Argon 18,; também Tiago Machado terá lugar garantido na Katusha, onde servirá como braço direito de um  candidatos a conseguir um top 10, Joaquim Rodriguez, papel preponderante para o minhoto dadas as ausências de dois homens da confiança de Purito, Dani Moreno e Angel Vicioso.

Ainda, como figura de maior relevo temos Rui Costa,da Lampre-Merida, que lutará por top 10, e quem sabe um lugar nos cincos primeiros do tour, e também Nelson Oliveira, da mesma equipa que apoiará Rui Costa

André Cardoso está fora e vê adida a primeira participação no Tour e reduz a posssibilidade da Cannondale-Garmin conseguir um resultado importante. O ano da equipa americana tem sido parco em vitórias – apenas quatro em toda a época – pelo que ir ao Tour com as principais armas era algo que desde há muito estava em estudo. No entanto com a sua ausência no Tou pode a vir a ter um papel importante na Vuelta dentro da sua equipa.

A ausência de peso é Sérgio Paulinho, que desde 2009 não falhava o Tour. O fiel escudeiro de Alberto Contador não estará no apoio ao líder na tentativa de alcançar uma histórica dobradinha Giro-Tour, precisamente por ter estado na prova italiana. O cansaço acumulado no Giro afasta o corredor da Tinkoff do Tour, prova que o medalha de prata em Atenas ganhou com Contador em 2007 e 2009. Paulinho regressa às grandes Voltas já na Vuelta.




    Data/hora atual: Seg Set 25, 2017 4:12 pm